Vitamina A: Fortalecimento e manutenção das células de defesa.

Postado por JB Mix Distribuidora em

 

A vitamina A (retinol) é necessária para a função das células nervosas (fotorreceptores) sensíveis à luz na retina do olho. Ele também ajuda a manter saudável a pele e o revestimento dos pulmões, do intestino e do trato urinário, e protege contra infecções.

Boas fontes de vitamina A incluem óleos de fígado de peixe, fígado, gema de ovo, manteiga, creme de leite e leite fortificado.

Carotenoides, como o betacaroteno, são pigmentos presentes em frutas e vegetais que lhes dá a cor amarela, laranja ou vermelha. Assim que são consumidos, os carotenoides são convertidos lentamente no corpo em vitamina A. Os carotenoides são mais bem absorvidos a partir de legumes cozidos ou homogeneizados, servidos juntamente com algum óleo ou gordura. Boas fontes de carotenoides são vegetais verde-escuros e amarelo-alaranjados e frutas amarelo-alaranjadas.

Medicamentos relacionados à vitamina A (retinoides) são utilizados para tratar acne e psoríase graves. Está sendo estudo se, ao tomar vitamina A, o betacaroteno e os retinoides ajudam a reduzir o risco de certos tipos de câncer de pele. No entanto, o risco de certos tipos de câncer pode ser aumentado depois de tomar suplementos de betacaroteno.

DEFICIÊNCIA DE VITAMINA A

  • A cegueira noturna é um dos primeiros sintomas.
  • Uma cegueira pode acabar se desenvolvendo.
  • Os olhos, a pele e outros tecidos ficam secos e lesionados, e infecções se desenvolvem com mais frequência.
  • O diagnóstico é baseado nos sintomas e em exames de sangue.
  • Tomar altas doses de vitamina A durante vários dias corrige a deficiência.

CAUSAS

A deficiência de vitamina A é geralmente causada por:

  • Uma dieta que foi deficiente em vitamina A por um longo período de tempo

Esta deficiência é comum em localidades do mundo onde as pessoas não comem uma quantidade suficiente de alimentos que são boas fontes de vitamina A, tais como

  • Fígado de animais e peixes
  • Vegetais laranja, amarelos e verde-escuros e frutas amarelas e laranja
  • Ovos
  • Produtos fortificados derivados do leite

Por exemplo, a deficiência ocorre no sul e no leste da Ásia, onde o arroz é o principal alimento.

Os distúrbios que afetam a absorção das gorduras no intestino podem reduzir a absorção de vitamina A e aumentar o risco de desenvolver uma deficiência relacionada com a vitamina A. Esses distúrbios incluem diarreia crônica, doença celíaca, fibrose cística, certas doenças do pâncreas e bloqueio das vias biliares. A cirurgia do intestino ou do pâncreas pode causar o mesmo efeito.

Os distúrbios hepáticos podem interferir com o armazenamento de vitamina A. (A maior parte da vitamina A do organismo é armazenada no fígado.)

PREVENÇÃO

Para ajudar a prevenir a deficiência de vitamina A, as pessoas devem ingerir vegetais de folhas verde-escuras, frutas amarelas e laranja (tais como papaias e laranjas), cenouras e vegetais amarelos (tais como abobrinha e abóbora). Outras fontes de alimentos incluem leite e cereais que são fortificados com vitamina A, fígado, gema de ovo e óleo de fígado de peixe. Os carotenoides, que dão a cor amarela, laranja ou vermelha a frutas e vegetais e são convertidos em vitamina A no organismo, são mais bem absorvidos a partir de vegetais cozidos ou homogeneizados, servidos juntamente com algum óleo ou gordura.


Compartilhe esta postagem



Postagem seguinte →


0 comentários

Deixe um comentário